Veja como votaram os deputados do Pará na análise da segunda denúncia contra Temer

Política

Onze dos dezessete deputados federais do Pará votaram, nesta quarta-feira (25), pela rejeição da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer por organização criminosa e obstrução de Justiça. Até as 20h45, os parlamentares ainda declaravam seus votos no plenário da Câmara.

Os votos a favor do parecer da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) – e pela rejeição da denúncia – foram dados por Beto Salame (PP), Elcione Barbalho (PMDB), Francisco Chapadinha (Podemos), Hélio Leite (DEM), José Priante (PMDB), Josué Bengston (PTB), Júlia Marinho (PSC), Lúcio Vale (PR), Nilson Pinto (PSDB),  Simone Morgado (PMDB) e Wladimir Costa (Solidariedade) .

http://www.folhadeourilandia.com.br/wp/wp-content/uploads/2017/10/VOTOS-PA-DEPUTADOS.jpg

Lista com a votação

Outros cinco parlamentares do PA votaram a favor da continuidade da denúncia: Zé Geraldo (PT), Joaquim Passarinho (PSD), Delegado Elder Mauro (PSD), Beto Faro (PT) e Arnaldo Jordy (PPS). Edimilson Rodrigues (PSOL) se ausentou. Os votos se mantiveram iguais em relação à votação da primeira denúncia, em agosto, apenas mudando de opinião o deputado Elder Mauro (PSD) que havia votado “sim” na primeira denuncia.

A denúncia também inclui os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria Geral), acusados de organização criminosa. Para barrar o andamento da acusação, o presidente precisava de somar 172 votos, entre “sim”, abstenções e ausências de deputados. Essa soma foi obtida por volta das 20h35.

Deixe uma resposta