URGENTE: Dias Toffoli deverá se pronunciar sobre ameaça de filho de Bolsonaro

Brasil

O ministro Dias Toffoli, presidente do STF, é aguardado para fazer um severo pronunciamento em defesa da corte e condenando o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), que em vídeo ameaçou prender ministros e fechar o Supremo.

Segundo o ministro Luiz Roberto Barroso, Toffoli deverá fazê-lo ainda hoje (22) assim que retorne de uma viagem de Veneza, na Itália.

Numa primeira reação à fala do filho do presidenciável Jair #Bolsonaro, a ministra Rosa Weber, presidente do Superior Tribunal Eleitoral (TSE) e integrante do STF, afirmou neste domingo (21) que as instituições estão “funcionando normalmente” e que os juízes honram a toga. Foi inevitável a falta de pulso da ministra virar meme nas redes sociais.

“As instituições estão funcionandu normalmenti. Ass. Rosa Vebir. É verdadi esti bilheti” (SIC), diz um dos memes que circulam na internet.

O filho de Bolsonaro ameaçou em vídeo prender ministros — como Gilmar Mendes — e fechar o STF. De acordo com parlamentar do PSL, não precisa de nem um Jipe para fechar o Supremo Tribunal Federal e ameaçou prender os ministros.

“Se você prender um ministro do STF, você acha que vai ter uma manifestação popular a favor dos ministros do STF?”, perguntou à plateia de um cursinho de Cascavel (PR). “Milhões na rua, solta o Gilmar! Solta o Gilmar!”, ironizou.

Para o ministro Celso de Mello, decano do STF, a “ameaça de Eduardo Bolsonaro é inconsequente e golpista”.

Assista ao vídeo:

Deixe uma resposta