Um dos países mais pobres do mundo adquiriu frota de carros de luxo

Mundo

Apesar de figurar regularmente na lista dos 40 países mais pobres do mundo, a Papua Nova Guiné vai ser pela primeira vez o país anfitrião da próxima cimeira da APEC, o Fórum de Associação e Cooperação de Ásia e Pacífico. E para isso o governo adquiriu uma frota de carros de luxo, incluindo 40 Maserati Quattroporte e três Bentley Flying Spur, que apenas deverão ser usados na cimeira.

Justin Tkatchenko, responsável máximo da APEC, justificou este custo, explicando que o governo da Papua Nova Guiné apenas fez um depósito, que os carros vão ser depois vendidos a condutores privados e que “já há muitos interessados”. Os veículos vão ser usados a nível oficial apenas durante os dois dias da cimeira, 17 e 18 de novembro, para transportar os chefes de estado e outros dignitários na cidade de Port Moresby. Em Portugal, o Maserati Quattroporte mais barato custa 131 mil euros, e o custo para este país deverá ser ainda maior, pois os carros foram transportados num avião Boeing 747-8 de carga.

Esta aquisição tem sido alvo de bastantes críticas online, até porque muitos dos custos da cimeira estão a ser pagos pela Austrália. A Papua Nova Guiné tem um PIB per capita oito vezes menor que Portugal, e está no 153.º lugar entre 189 países no Índice de Desenvolvimento Humano, com 40 por cento da população a viver com menos de um dólar por dia. Além de figurar entre os países mais pobres do mundo, também está a lidar com os efeitos de um tremor de terra de magnitude 7,5 que atingiu o país em fevereiro, assim como com uma epidemia de poliomielite, desde o passado mês de junho, e falta de medicamentos.

Deixe uma resposta