Projeto Onça Puma está paralisado devido a quebra de seus fornos #1 e #2

Brasil Sociedade Virou noticia

O projeto Onça Puma envolve a exploração de uma das maiores reservas de níquel do mundo. Os empregos diretos e indiretos gerados durante a implantação chegaram a mais de 8.000 e no momento de operação mais de 1.500 empregos diretos. Onça Puma está construída sobre uma jazida de níquel laterítico saprolítico e o investimento total está estimado em US$ 2,841 bilhões, com US$ 146 milhões a serem gastos em 2011 durante o ramp-up.
Em 04 de março de 2011 Onça Puma produziu o primeiro metal na primeira de duas linhas de produção de ferro-níquel e 01 (um) ano após, interrompeu suas operações no final do 2T12, devido às paradas do forno #1 em 28 de maio e do forno #2 em 22 de junho, por vazamento espontâneo de metal .

As operações em Onça Puma irão ficar paralisadas por aproximadamente 01 (um) ano, enquanto a empresa trabalha com a reconstrução do forno #1, com alterações no projeto. Aproximadamente 600 postos de trabalhos (Vale) deverão ser realocados para outras unidades/novos projetos da empresa.

A paralisação de Onça Puma já reflete nas comunidades do projeto. O mercado imobiliário sofre crise com muita oferta e pouca procura, a rede hoteleira também já sente os impactos negativos, o comercio local teme uma recessão nas vendas igual a passada durante a crise mundial em 2008.

Deixe uma resposta