Julgamento de Lula não é justo e tem viés político, diz parlamentar britânico

Política

O parlamentar britânico Chris Williamsom, membro do Parlamento de Derby North, gravou um vídeo mostrando indignação com a perseguição jurídica contra o ex-presidente Lula.

Nesta segunda-feira 4, os advogados de defesa do ex-presidente, Valeska Teixeira Martins, Cristiano Zanin Martins e Geoffrey Robertson, fizeram uma apresentação a parlamentares britânicos em que demonstraram a prática de ‘lawfare’ contra Lula.

“Ficou claro para nós que Lula não recebeu um julgamento justo, que é um direito humano básico. Parece que o sistema jurídico está sendo usado de forma indevida para impedir Lula de se candidatar nas próximas eleições presidenciais”, afirma.

“O lugar para se resolverem conflitos políticos é nas urnas, não nos tribunais. A população brasileira é quem deveria escolher seu próximo presidente”, completa o parlamentar britânico.

Williamsom diz ainda que “os parlamentares britânicos estão bastante interessados nesses acontecimentos e pretendem enviar uma delegação de parlamentares ao Brasil em 2018 para monitorar a integridade da campanha eleitoral e, se necessário, a própria eleição”.

Assista ao vídeo:

 

Deixe uma resposta