Lojistas pedem ao legislativo segurança para trabalhar

Ourilândia

Lojistas de Ourilândia estão assustados com o aumento no número de casos de violência que o comércio local vem sofrendo frequentemente.

Na sessão de hoje (08/10/2009) da câmara de vereadores, a empresária Ângela (Santa Rosa) disse “não é a primeira vez que a classe vem ao legislativo solicitar segurança para o município, e até o momento nenhuma atitude foi tomada por parte de nossas autoridades, a segurança no município está deixando todos a desejar e cobrou do governo municipal mais segurança para todos, devido à onda de assalto que o comércio local vem sofrendo”. Cobrou mais patrulhamento policial nas ruas, iluminação em alguns pontos da cidade.

Lembrou do caso de violência que deixou toda a sociedade aterrorizada com a ousadia dos marginais, ocorrido no dia 26/09/09 onde um marginal tirou a vida do empresário Artur Tiago (Nova Casa), caso que até o momento não foi solucionado pela polícia.

 [sgmb id=”1″]

Deixe uma resposta